Página Inicial Institucional Cursos Exames Blog Links Contato
 
 
Aliança Francesa Caxias do Sul
 
     

Blog

   
  » ARQUIVO
  » Abril
  » Fevereiro
  » 2016
  » 2015
  » 2014
  » 2013
  » 2012
  » 2011
  » 2010
  » 2009
   
  » MARCADORES
  » AF
  » Animação
  » Anniversaire
  » Arquitetura
  » Artes
  » Automobilismo
  » Beleza
  » Biografia
  » Capacitação
  » Carros
  » Ce que j'ai vu en France
  » Cesar Mateus
  » Ciência
  » Cinema
  » Claudete Travi
  » Confraternização
  » Culinária
  » Cultura
  » Curiosidades
  » Dança
  » Design
  » Dicas
  » Entrevista
  » Escultura
  » Esportes
  » Evento
  » Fenêtres Ouvertes
  » Fotos
  » Frisson em Paris
  » Frisson em Paris 2012
  » História
  » HQ
  » Ilustrações
  » Imprensa
  » Intercâmbio
  » La première fois que j’ai vu...
  » Literatura
  » Marília Galvão
  » Meio ambiente
  » Moda
  » Música
  » Pintores
  » Plume d'Or
  » Polêmica
  » Política
  » Promoções
  » Publicidade
  » Resenha
  » Revista
  » Solidariedade
  » Teatro
  » Trabalhos de aula
  » Turismo
  » TV
  » Viagem
  » Vídeo
  » Visitas
 
 
Quarta-Feira, 22 de fevereiro de 2017

Rendez-vous du jeudi

 
Quer aperfeiçoar o teu francês com músicas, exercícios de fonética, revisão gramatical, debates e aulas culturais?

Estamos lançando o Rendez-vous du jeudi para você que é nosso aluno ou não.

São 17 ateliers, todas as quintas-feiras das 18h30min às 21h

Como funcionará?

Você contrata no mínimo 4 ateliers e assim que você participar destes 4, contrata mais 4 e assim por diante.

Investimento para 4 ateliers:
Alunos R$ 160,00
Ex-alunos R$ 200,00
Não alunos R$ 250,00

A programação está imperdível!
Confere aqui e te inscreve logo!


09/03: Simone de Beauvoir, l’existentialisme, le Deuxième Sexe et le féminisme (B1)
● L’existentialisme et le féminisme de Beauvoir
● Le Deuxième Sexe: étude de passages du livre

16/03: Les chansons contemporaines françaises : Zaz (A1.3)
● Vie et (quelques) oeuvres
● Révision de points de grammaire et de vocabulaire à partir des chansons travaillées en classe

23/03: Phonie-graphie: reconnaître et différencier les sons [ u ] et [ y ]; [ ø ] et[ œ ] et leur graphie (A1.1)
● Mise en situation
● Exercices d’application

30/03: Grammaire: Les articles du français (définis, contractés, indéfinis et partitifs) (A1.3)
● Mise en situation
● L’emploi, la forme, exercices d’application

06/04: G.E. Haussmann et la transformation de Paris (A2.3)
● Le fondement de la représentation populaire de la capitale française
● Quelques aspects des gigantesques travaux haussmanniens

13/04: Les chansons contemporaines francophones: Stromae, Oxmo puccino et le SLAM/ Mika, Zaza Fournier, Brigitte et Coeur de pirate
● Exploration de quelques oeuvres des chanteurs
● Révision de points de grammaire et de vocabulaire à partir des chansons travaillées en classe

20/04: CO et EO: Les débats (B1)
● Mise en situation
● L’emploi, la forme, exercices d’application

27/04: Grammaire: Les discours directs et indirects (A2.1)
● Mise en situation
● L’emploi, la forme, exercices d’application

04/05: La cuisine française (A2.3)
● La codification au XXe siècle et quelques recettes
● Les chefs français contemporains

11/05: Grammaire: Le passé composé et l’imparfait (A1.3)
● Mise en situation
● L’emploi, la forme, exercices d’application

18/05: Phonie-graphie: différentiation de/des- le/les -ce/ces- te/tes; différentiation des deux prononciation de e (sans accent); reconnaître et différencier les sons [ɔ̃], [ɑ̃] et [ɛ̃] (A1.2)
● Mise en situation
● exercices d’application

25/05: CO : La Une et le journal radiodiffusé (B1)
● Mise en situation
● techniques d’écoute
1º/06: Coco Chanel: une modiste à contre-courant (A2.3)
● Comment la créatrice a marqué le monde de la mode
● L’empire Chanel

08/06: Les expressions françaises et les faux amis
● Mise en situation
● L’emploi, exercices d’application

22/06: Grammaire: Le conditionnel et le plus que parfait (A2.3)
● Mise en situation
● L’emploi, la forme, exercices d’application

29/06: Grammaire: Le subjonctif (A2.1)
● Mise en situation
● L’emploi, la forme, exercices d’application

06/07: Les chanteurs francophones emblématiques: Edith Piaf, Jacques Brel, Serge Gainsbourg, Charles Aznavour et autres
● Exploration de quelques oeuvres des chanteurs
● Révision de points de grammaire et de vocabulaire à partir des chansons travaillées en classe

 
Marcadores: AF, Cultura, História, Literatura, Moda, Música
Comentários (4)
 
Quarta-Feira, 13 de maio de 2015

Simone de Beauvoir - Uma Mulher Atual

 
"Simone de Beauvoir, Uma Mulher Atual", é um documentário de Dominique Gross que retrata a trajetória e vida da escritora Simone de Beauvoir, uma das pensadoras mais importantes do século XX.

Nascida em Paris, em 1908, Simone de Beauvoir foi uma famosa feminista, escritora e filósofa existencialista. Foi também companheira de outro grande nome do pensamento contemporâneo, o filósofo Jean-Paul Sartre.

O filme mostra os principais momentos da vida de Simone, focando no período do pós-guerra, sua ida aos Estados Unidos, da sua autobiografia escrita em vários volumes e da publicação do livro mais conhecido, “O Segundo Sexo”.

O Segundo Sexo foi um dos marcos iniciais do movimento feminista, defendendo a liberdade da mulher. Simone dizia que uma mulher oprimida e em casa também oprime seu marido que ao invés de estar engajado irá ficar em casa e ver televisão, alegando desta forma que era de interesses políticos a manutenção da opressão. Sua famosa frase "Não se nasce mulher, torna-se mulher" irá estendê-la aos homens também, dizendo com isto que não é um destino biológico, mas social e cultural e que é possível romper e construir sua própria vida.

Seu pior momento foi a morte de Sartre. Foi internada e muitos acreditaram que ela não sobreviveria, mas ela conseguiu e retomou a vida. A vida que quando jovem ela pensava que a tinha toda para viver, para descobrir na velhice que ela não é algo que temos, mas algo que passa. Quando ela se viu diante deste momento optou por apreender tudo sobre isso e assim escreveu sobre a velhice também.

Simone publicou 21 livros ao longo de sua vida, entre romances, ensaios e biografias. A escritora morreu em 14 de abril de 1986, tendo realizado seus dois sonhos de infância: o de se tornar escritora e o de ser uma mulher independente.

https://youtu.be/CYW7JaxsP78

         

         

         

 
Marcadores: AF, Biografia, Cinema, Cultura, Literatura
Comentários (0)
 
Quarta-Feira, 15 de abril de 2015

Tinta Fresca - por Marília Galvão

 

Quando um artista, pela ponta do pincel, tem a intenção de captar a luz do sol que desaparece nas águas do rio - as papoulas ao vento no campo - as cores da morte no rosto da pessoa que está morrendo, quem sabe o ensaio de uma figura em pleno ar, também os telhados sob a neve ... bailarinas em uma dança e os trens na neblina na gare, ou um baile no Moulin, o que ele quer? O que move esse artista nessa obsessão de retratar o fugaz, de correr contra o tempo para perseguir o momento que nunca se repetirá? Capturar a impressão de um instante da natureza, assim como o passar do tempo, da vida, poderia ser uma das respostas.

Por esse desejo do artista manifesto em obras de arte em pintura, não há como não se impressionar com as obras dos pintores da segunda metade do século XIX chamados impressionistas. Viveram em Paris e arredores. Conterrâneos e contemporâneos.
Grande parte de suas obras originais estão expostas em Paris, no Musée d’Orsay e no Musée de l’Orangerie. Só que há uma dificuldade enorme para quem tem a graça de estar lá, presente de corpo e alma. É muito difícil olhar sem querer tocar. Aconselho colocar as mãos nos bolsos. E ! Ahs ! E Ohs! Só em pensamento. Fotos sem flash, por favor. Incrível o que a arte faz com a gente, nos humaniza. Psiu!!!!

Pela arte eles tornaram eterno o efêmero. Eles – Claude Monet, Édouard Manet ( sim, houve confusão de nomes – Monet e Manet) Renoir, Degas, Camille Pissarro, dentre outros. Também Van Gogh, mas esse é uma outra história.( Ainda vou escrever uma carta para ele- ele é do tempo da comunicação por cartas e adorava receber as de seu irmão Theo, de Paris - e eu , na frase final de minha carta, direi – Querido Vincent - com um aperto de mão, Marilia).

A arte tem me tocado, me emociono com Monet e Renoir, em especial. Eles me fazem pensar no tempo, no passar do tempo, uma das minhas inquietudes, e me dão uma impressão de resposta, o sentimento de impermanência sempre existiu. Por que o passado é passado? Por que eles tinham que retratar o que logo seria passado? Era o que sentiam, defendiam ideias. O passar... as impressões... ora, concluo que só pode ser pura paixão. Paixão pela pintura, pela renovação, paixão por lutar pelo que acreditavam.

E esse passado em que eles viveram se torna um presente para mim. O agora é o presente, que logo deixará de sê-lo. O mundo continua a girar, dias e noites se sucedem em momentos, instantes fugazes. Segue o baile, segue a vida. Não há como deter. Mas, creio que eles encontraram uma forma de fazer isso, por isso os considero tão contemporâneos, tão vibrantes, mostram a vida como ela é, nos movimentos das pinceladas, nas cores e nas sombras claras, vida... vida em movimento, com alegria. Talvez daí a impressão errada de obra inacabada. Os olhos captam a rapidez dos movimentos e as cores se complementam e a emoção expressa o indizível da obra de arte.

Atrevo-me a expor um breve pensamento – se o leitor imaginar que esse texto não diz tudo, ou que é impressionista, que há espaços para que ele possa refletir, maravilha!!

Como? Eu? Se eu também pinto? Sim, tenho batons de várias cores.


Marília Galvão
         

 
Marcadores: AF, Artes, Cultura, História, Literatura, Marília Galvão, Pintores, Resenha
Comentários (0)
 
Segunda-Feira, 16 de março de 2015

Entre as linhas

 
Do dia 20 ao dia 23 de março, os livros brasileiros invadirão Paris. Trata-se do Salão do Livro de Paris, que acontece anualmente na Porta de Versalles, que tem o Brasil como tema e autores brasileiros como homenageados.

Na verdade levar países a terem sua literatura representada no evento já é tradição; ano passado foi a Argentina, por exemplo, o fato inédito é que essa é a segunda vez que o Brasil é escolhido, e isso nunca tinha acontecido antes.

Serão 1,2 mil expositores, 30 mil profissionais, 400 encontros, 4,7 mil sessões de autógrafos e uma expectativa de cerca de 200 mil visitantes, prestigiando os 48 autores brasileiros convidados.



         

         

 
Marcadores: AF, Cultura, Dicas, Evento, Literatura
Comentários (0)
 
Página 1 2 3 4 5 6 7 8 »
     
     
 

Parceiros

                   
 
 
  Aliança Francesa Caxias do Sul  
Facebook Twitter  
Rua Coronel Flores, 749, sala 202 - 54 3221.5212
 
 
  Desenvolvimento: WCM3 Agência Web Digital Feeling Estúdio de Criação